segunda, 28 novembro 2022
quarta, 06 abril 2022 22:59

Évora - Igreja de São Francisco recebe concerto "Via Crucis"

Escrito por
Obra "Via Crucis" só foi editada 50 anos após a morte de Franz Liszt, por iniciativa de uma associação coral inglesa Obra "Via Crucis" só foi editada 50 anos após a morte de Franz Liszt, por iniciativa de uma associação coral inglesa DR

 
Numa organização conjunta entre a Direcção Regional de Cultura do Alentejo e a Igreja de São Francisco, em Évora, realiza-se durante a Semana Santa, mais concretamente no próximo dia 13 de Abril, quinta-feira, pelas 17 horas, na Igreja de São Francisco, um concerto com a obra “VIA CRUCIS”, para piano solo, autoria de Franz Liszt, e que será interpretada pelo pianista Amílcar Vasques-Dias.
 
A entrada no concerto é livre, estando sujeita à lotação da igreja.
 
“VIA CRUCIS” será transmitido em directo, na página oficial da Igreja de São Francisco na rede social Facebook, em https://www.facebook.com/s.francisco.evora.
 
Franz Liszt, após uma estadia em Roma, em 1878, compôs “VIA CRUCIS” (VIA SACRA), uma das suas últimas obras, entre 1878-79. A versão original era para coro misto, solistas e órgão, mas, posteriormente, fez uma versão para coro misto, solistas e piano, e ainda uma outra para piano solo.
 
“VIA CRUCIS” é um caso especial na obra de Liszt, principalmente por se tratar de uma composição de grande serenidade, mas também porque atinge os limites da tonalidade até então vigente. “VIA CRUCIS” combina canções em uníssono (Estações I e XIV) e corais inspirados nos corais de J. S. Bach (Estação VI), enquanto outras estações consistem em órgão ou piano solo.
 
A obra só foi editada 50 anos após a sua morte, por iniciativa de uma associação coral inglesa.
 
 
 
Modificado em segunda, 11 abril 2022 18:07

Deixe um comentário

PUB