terça, 02 junho 2020
quarta, 01 abril 2020 15:54

Casa do Alentejo em “enormes dificuldades” adere ao Lay Off

Escrito por
Os responsáveis pela Casa do Alentejo garantem que “a colectividade conseguirá reerguer-se" Os responsáveis pela Casa do Alentejo garantem que “a colectividade conseguirá reerguer-se" DR
A Associação Regionalista Casa do Alentejo, fundada em 10 de Junho de 1923 (completa em 2020, 97 anos de vida), ostentando o lema ”Uma Região, Um Povo, Uma Cultura”, informou que devido às dificuldades económicas e de tesouraria que já está a atravessar, na sequência de toda a crise que a pandemia da Covid-19 está a criar em Portugal, vai aderir ao Lay Off.
 
A direcção da instituição, que é considerada por muitos como a grande embaixada do Alentejo na capital, afirmou que “no presente, o impacto do Covid-19 veio ensombrar o brilhante caminho duma colectividade que possui historicamente pergaminhos reconhecidos”, salientando que “o impacto negativo registou-se na área da restauração, que constitui o suporte financeiro fundamental de todas as actividades, com quebras de receitas em finais de Fevereiro e inícios de Março”.
 
A direcção deu a conhecer que “decidiu aderir ao Lay Off simplificado desde 19 de Março de 2020, para garantir os postos de trabalho e alguma folga financeira para o período que se estima em cerca de três meses”.
 
Os responsáveis pela Casa do Alentejo garantem que “a colectividade conseguirá reerguer-se e irá continuar a afirmar e a ostentar a cultura e a identidade alentejana”.
Modificado em quarta, 01 abril 2020 17:13

Deixe um comentário