quinta, 02 abril 2020
segunda, 20 janeiro 2020 11:00

Depressão Glória trouxe vento forte e queda de árvores ao Alentejo

Escrito por
Foram mais de duas dezenas as ocorrências registadas por terras alentejanas Foram mais de duas dezenas as ocorrências registadas por terras alentejanas DR
No dia de ontem, domingo, Portugal Continental foi fustigado pela depressão Glória. E foram várias as ocorrências registadas no Alentejo, provocadas pelo vento forte que se fez sentir na região durante todo o dia.
 
O distrito de Portalegre, segundo dados divulgados pela Autoridade Nacional de Protecção Civil, foi o mais afectado, registando-se mais de duas dezenas de quedas de árvores, nomeadamente nos concelhos de Portalegre (6), Nisa (4), Ponte de Sôr (3), Crato (2), Elvas (2), Marvão (2), Alter do Chão (1) e Sousel (1). No concelho de Portalegre foi ainda registada a queda de duas estruturas.
 
Três quedas de árvores, duas no concelho de Évora e uma no concelho de Redondo, foram as ocorrências registadas no distrito de Évora.
 
No distrito de Beja registaram-se três quedas de árvores, nos concelhos de Alvito (2) e Ferreira do Alentejo (1), sendo que ocorreu ainda uma queda de estrutura em Beja.
 
Os três distritos alentejanos estão sob aviso amarelo até às 18 horas de hoje, dia 20 de Janeiro.
Modificado em segunda, 20 janeiro 2020 11:32

Deixe um comentário