quarta, 29 janeiro 2020
terça, 10 dezembro 2019 18:58

Ex-autarca do Alandroal, João Nabais, condenado a cinco anos e meio de prisão efectiva

Escrito por
Não se conhece até ao momento se o ex-autarca do Alandroal já terá recorrido desta sentença Não se conhece até ao momento se o ex-autarca do Alandroal já terá recorrido desta sentença DR
O Tribunal de Évora condenou recentemente o ex-presidente da Câmara Municipal de Alandroal, João Nabais, a uma pena de cinco anos e seis meses de prisão efectiva e ao pagamento de mais de 22 mil euros. Esta notícia, que está a ser avançada pelo nosso colega de informação ODigital.pt, adianta ainda que o ex-edil alandroalense fica impedido de exercer cargos autárquicos durante cinco anos.
 
João Nabais, que estava acusado de seis crimes de prevaricação, foi condenado apenas por um deles.
 
O caso, que remonta ao ano de 2009, está relacionado com a contratação, por parte de João Nabais, de uma empresa de um amigo para a realização de algumas obras da autarquia.
 
Segundo o tribunal, João Nabais terá adiantado dinheiro à empresa do amigo para que esta realizasse as obras e terá ainda pago por obras, que estariam a ser realizadas a um custo mais baixo do que aquele a que efectivamente estavam a ser pagos. Segundo o tribunal, todas estas situações ocorriam com o conhecimento e total conivência do então autarca.
 
Para já não se conhece se o ex-autarca do Alandroal já terá recorrido desta sentença. Caso avance com o recurso, o mesmo só poderá ser feito para o Tribunal da Relação.
 
João Nabais foi presidente do Município de Alandroal, entre 2002 e 2009, eleito nas listas do Partido Socialista (PS), tendo nos últimos actos eleitorais autárquicos, 2009, 2013 e 2017, apresentado candidatura encabeçando o movimento independente DITA - Defesa da Integridade Territorial e Desenvolvimento de Alandroal.
 
c/ ODigital.pt
Modificado em sexta, 17 janeiro 2020 03:08

Deixe um comentário