domingo, 16 dezembro 2018

Ex-Primeiro Ministro José Sócrates no Estabelecimento Prisional de Évora. Deu entrada às primeiras horas da madrugada...

Escrito por  Publicado em País terça, 25 novembro 2014 19:34
José Sócrates é o primeiro ex-Primeiro-Ministro português detido José Sócrates é o primeiro ex-Primeiro-Ministro português detido DR
O ex-primeiro-ministro José Sócrates vai aguardar julgamento em prisão preventiva, no Estabelecimento Prisional de Évora, onde deu entrada perto das 04 horas da madrugada.
 
Este estabelecimento prisional situado numa zona habitacional da cidade património mundial destina-se não apenas a polícias e outras pessoas que exercem ou exerceram funções nas forças e serviços de segurança, bem como a quem necessita de “especial protecção”, situação onde se insere o ex-primeiro ministro.
 
A decisão, muito provavelmente tomada pelo próprio Juiz Carlos Alexandre, avaliou que a segurança de José Sócrates estaria posta em causa caso tivesse sido colocado numa prisão comum.
 
Sócrates, tendo um estatuto especial, fica assim numa cadeia onde estão 40 detidos, todos eles membros das forças de segurança, militares e magistrados.
 
O ex-primeiro-ministro está indiciado por fraude fiscal, corrupção e branqueamento de capitais, no âmbito de um processo por crimes económicos, denominado de "Operação Marquês". Esta é a primeira vez que é aplicada prisão preventiva a um ex-primeiro-ministro em Portugal.
 
Sócrates, de 57 anos, foi primeiro-ministro de Portugal entre Março de 2005 e Junho de 2011. Foi o primeiro socialista a governar com maioria absoluta, tendo deixado o Governo após o pedido de ajuda à troika de credores internacionais em Junho de 2011.
 
É também em Évora que está detido preventivamente o ex-director do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Manuel Jarmela Palos, suspeito de corrupção passiva no caso dos vistos dourados.
 
Pelo menos um morador da zona habitacional onde está o Estabelecimento Prisional de Évora, já mostrou a sua "indignação" para com o seu novo "vizinho".
 
c/ Público
 
 

Deixe um comentário