sábado, 24 junho 2017

Era uma vez…

Escrito por  Publicado em Helena Chouriço segunda, 10 outubro 2016 02:44
Quantas vezes iniciámos, assim, uma história, como se fosse “uma só vez” e não voltasse a acontecer, não houvesse igual e de fato é possível que assim seja… cada um de nós, contará a sua história, quem sabe um dia, e será realmente única e tudo o que aconteceu, terá acontecido apenas uma vez e não haverá igual. Muitos caminhos se terão cruzado com o nosso, muitos sonhos terão ficado por realizar, muitos amores por viver, muitos abraços por dar e muitas emoções por sentir… ou não.
 
A vida parecer-nos-á complexa e o que somos um labirinto de perguntas e respostas que muitas vezes foram feitas e dadas em momentos que não percebemos o sentido, mas lembramos certamente que tudo foi sentido. Somos obras inacabadas e únicas, que ao longo da vida vão sendo esculpidas por nós mesmos, pelos que nos rodeiam e por tudo aquilo que vamos vivendo mas principalmente por tudo aquilo que sentimos. É isso, somos o que sentimos.
 

Da história das nossas histórias, sobrará o que sentimos em tudo o que vivemos. O sentimento é a força que nos leva a procurar o sentido, a emoção a forma que temos de o expressar e o “Era uma vez…” a maneira com que todos um dia a havemos de contar.

…e Era uma vez… um sentimento que fez com que tudo acontecesse, não o vou definir nem dar nome, porque muitos são os sentimentos possíveis e muitas as consequências de cada um deles. Afinal não somos assim tão diferentes, procuramos no outro o que nos faz bem e queremos dar o que temos de melhor.
 
Mas teremos o poder de querer ou não sentir? Facilmente responderemos “Não, não temos”. A nossa história está repleta de sentimentos que nos fizeram e fazem, rasgar sorrisos e gargalhadas e outros que queríamos tanto apagar da nossa memória, mas todos estão lá, são argumento dessa história que inevitavelmente será única e muito provavelmente não se repetirá e também muito provavelmente estará inacabada … quando chegar o “Fim”.
 
Da história das nossas histórias, sobrará o que sentimos em tudo o que vivemos. O sentimento é a força que nos leva a procurar o sentido, a emoção a forma que temos de o expressar e o “Era uma vez…” a maneira com que todos um dia a havemos de contar.
 
* Psicóloga Helena Chouriço
 

Deixe um comentário

Mais Populares