segunda, 12 abril 2021
quarta, 03 março 2021 10:31

Covid-19 - Número de óbitos no Solar do Poço Coberto, em Estremoz, sobe para cinco

Escrito por
A primeira morte registada no Solar do Poço Coberto aconteceu a 18 de Fevereiro A primeira morte registada no Solar do Poço Coberto aconteceu a 18 de Fevereiro DR
Segundo foi adiantado à agência Lusa pela gerente da unidade, Sónia Linhol, o número de mortes no surto de Covid-19 que eclodiu no Solar do Poço Coberto, em Estremoz, subiu para cinco, sendo que as vítimas mortais são todos utentes da instituição.
 
A primeira morte registada no Solar do Poço Coberto aconteceu a 18 de Fevereiro, tratando-se de uma idosa.
 
Desde essa altura, e segundo foi revelado pela unidade, tiveram lugar mais quatro óbitos de utentes, todos eles com outras patologias associadas: um homem morreu no Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), e outro homem e duas mulheres morreram no lar estremocense.
 
Segundo Sónia Linhol, este surto de Covid-19 "está quase resolvido", registando um total de 39 infectados, ou seja, 28 dos 32 utentes do lar tiveram resultados positivos para o novo coronavírus SARS-Cov-2, assim como 11 dos cerca de 30 funcionários.
 
Ainda segundo a gerente da unidade, apenas três dos idosos estão ainda infectados pelo SARS-CoV-2, sendo que dois "estão assintomáticos" e um tem "sintomas ligeiros", havendo ainda oito utentes que fizeram novos testes com "resultados inconclusivos".
 
"As 11 funcionárias infectadas já fizeram novos testes, seis delas com resultados negativos e cinco com resultados inconclusivos", adiantou Sónia Linhol.
 
Segundo a gerente do Solar do Poço Coberto, os utentes que fizeram testes com "resultados positivos" estão naquela casa de repouso, separados dos "negativos".
 
O primeiro caso positivo de Covid-19 no lar foi detectado no dia 05 de fevereiro, quando uma funcionária fez um teste com resultado positivo para a SARS-CoV-2, tendo no dia 08 sido testados todos os utentes e funcionários do lar, adiantou a responsável.
 
c/ LUSA
Modificado em quarta, 03 março 2021 12:25

Deixe um comentário