terça, 22 agosto 2017

Rita Guerreiro fala sobre Alzheimer no Teatro Bernardim Ribeiro

Escrito por  Publicado em Estremoz sábado, 04 março 2017 12:43
Centro Ciência Viva de Estremoz convida toda a comunidade para que possa compreender o Alzheimer através da Ciência Centro Ciência Viva de Estremoz convida toda a comunidade para que possa compreender o Alzheimer através da Ciência DR
A garantia é dada pelo Centro Ciência Viva de Estremoz, ao afirmar que não é necessário esperar pela nova edição da Noite Europeia dos Investigadores – NEI para participar em actividades de Ciência.
 
E a prova disso mesmo é o convite que o Centro Ciência Viva de Estremoz lança a toda a comunidade para que possa compreender o Alzheimer através da Ciência.
 
No próximo dia 9 de Março, quinta-feira, pelas 21 horas, realiza-se no Teatro Bernardim Ribeiro, a iniciativa “Cinema com tertúlia científica”, que vai contar com a participação da investigadora Rita Guerreiro. Esta jovem estremocense, actualmente a residir em Londres, foi premiada em 2014 com o Prémio Europeu de Jovem Investigadora. Rita Guerreiro é formada em Biomedicina e Biomolecular, estudando as variações genéticas de várias doenças neurológicas, em especial Parkinson e Alzheimer.
 
Aproveitando o enredo do filme “O meu nome é Alice” tomamos consciência da realidade social e pessoal dos doentes com Alzheimer. A visualização do filme é o ponto de partida para a explicação científica que a doutora Rita Guerreiro fará sobre esta doença neurológica e os actuais desenvolvimentos científicos.
 
A organização e implementação das actividades da NEI em Estremoz é da responsabilidade do Centro Ciência Viva de Estremoz e conta com o apoio, do Município de Estremoz, da Escola de Ciências e Tecnologia da Universidade de Évora, do Instituto de Ciências da Terra, do Ciência Viva – ANCCT e da Universidade de Évora. O projecto NEI é financiado pela Comissão Europeia no âmbito das Acções Marie Sklodowska-Curie.
 
Conheça mais actividades em www.noitedosinvestigadores.pt e na página oficial do Facebook em www.facebook.com/neinvestigadores.

Deixe um comentário

Mais Populares