quinta, 26 novembro 2020
domingo, 26 julho 2020 23:43

Fez carreira no FC Porto e Barcelona e agora vai treinar equipa dos distritais de Beja

Escrito por
Aloísio assume comando técnico do União Serpense Aloísio assume comando técnico do União Serpense DR
O antigo jogador do FC Porto e do FC Barcelona, Aloísio Alves está de regresso ao futebol português. O antigo internacional brasileiro vai ser na temporada 2020/2021, o treinador do União Serpense, clube da cidade de Serpa, que milita nos campeonatos distritais da Associação de Futebol de Beja (AF Beja).
 
Alfredo Mestre, o Presidente do União Serpense, refere em entrevista ao jornal Record, que “fomos contactados pelo Aloísio, que teve conhecimento do nosso projecto e manifestou interesse em fazer parte dele, assumindo o comando da equipa, o que muito nos honra".
 
O União Serpense foi formado há um ano, tendo garantido, logo na primeira época de actividade, a subida à 1ª Divisão da AF Beja.
 
Em princípio, a pré-epoca do União Serpense arrancará na segunda quinzena de Agosto e só nessa altura é que Aloísio, que actualmente se encontra no Brasil, viajará para Portugal.
 
O União Serpense conta com o apoio de um grupo de investidores brasileiros e, a exemplo do sucedido na época passada, grande parte do plantel será constituído por jovens jogadores provenientes do país-irmão, com condições para se afirmarem no futebol europeu, aos quais se juntarão futebolistas oriundos de outros países sul-americanos.
 
Traçando como objectivo para a época 2020/21 "fazer o melhor possível”, Alfredo Mestre esclarece que “o Aloísio e os nossos investidores estão em contacto e farão uma triagem dos jogadores que ingressarão no União Serpense".
 
O Presidente do União Serpense pretende, num prazo não muito distante, chegar aos campeonatos nacionais.
 
Actualmente com 56 anos, Aloísio foi jogador do FC Porto, entre 1990 e 2001, somando sete campeonatos nacionais, seis Taças de Portugal e 10 supertaças. Às conquistas nacionais juntam-se uma Taça das Taças e uma Taça do Rei de Espanha, ao serviço do FC Barcelona, e três campeonatos gaúchos, pelo Internacional de Porto Alegre.
 
Internacional brasileiro, Aloísio representou por seis vezes a selecção canarinha e foi campeão mundial e sul-americano no escalão sub-20, em 1983, e medalha de prata nos Jogos Olímpicos, em 1988.
 
Encerrada a carreira de futebolista na cidade invicta, Aloísio foi posteriormente treinador-adjunto dos dragões e do Sporting de Braga, e treinador principal no Vila Meã, passando depois pelo Gil Vicente, como director desportivo, antes de regressar ao Brasil, para desempenhar funções como director e coordenador técnico em vários clubes do estado de Porto Alegre.
 
c/ Jornal Record
Modificado em segunda, 27 julho 2020 13:08

Deixe um comentário