quarta, 21 agosto 2019
sexta, 07 junho 2019 00:05

Quase nenhum Alentejo na Volta a Portugal em Bicicleta 2019

Escrito por
A 81ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta andará cerca de 40 quilómetros por terras alentejanas A 81ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta andará cerca de 40 quilómetros por terras alentejanas DR
Foi apresentada no dia de ontem, quinta-feira, 6 de Junho, em Lisboa, a 81ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta.
 
A mais importante prova velocipédica que se realiza no nosso país vai começar em Viseu, a 31 de Julho, com um prólogo de seis quilómetros, e terminará a 11 de Agosto, no Porto, na Avenida dos Aliados, que há 30 anos não recebia o final de festa da volta e onde será instalado o último pódio, após um contrarrelógio de 19,5 quilómetros, que terá partida em Vila Nova de Gaia e chegada na cidade invicta.
 
Serão 11 etapas, que totalizarão 1531 quilómetros, praticamente todos a norte do Rio Tejo. Santo António dos Cavaleiros, no concelho de Loures, às portas da capital, será o ponto mais a sul por onde passará a Volta a Portugal em Bicicleta.
 
No caso do Alentejo, apenas os concelhos alentejanos de Nisa e de Gavião serão visitados, logo na terceira etapa, que ligará Santarém a Castelo Branco, numa tirada com 194,1 quilómetros, com destaque para o Prémio de Montanha de 3ª categoria, em Gavião, e para o Prémio de Montanha de 4ª categoria, na Serra de São Miguel, o ponto mais alto do concelho nisense. Olhando para o filme da tirada, a 81ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta andará cerca de 40 quilómetros por terras alentejanas. Pouco, muito pouco...
 
Para Joaquim Gomes, director da prova, “esta é uma volta marcada decisivamente pelo regresso do final na Torre, utilizando a famosa vertente da Covilhã - Penhas da Saúde - Torre, mas onde as chamadas etapas de transição, muitas vezes marcadas pelo intenso calor e orografia adversa, se podem tornar mais “madrastas” que as etapas teoricamente mais difíceis”.
 
Em relação às equipas em prova, destaque para a presença de cinco equipas continentais profissionais, com a portuguesa W52-FC Porto, dominadora das últimas edições, a ter a companhia das espanholas Caja Rural e Euskadi-Murias, da israelita Israel Cycling Academy e da francesa Arkea Samsic.
 
As equipas continentais portuguesas Sporting-Tavira, Aviludo-Louletano, Vito-Feirense-PNB, Efapel, Rádio Popular-Boavista, Miranda-Mortágua, LA Alumínios e Oliveirense-Inoutbuild também vão estar presentes.
 
A completar o lote de equipas vão estar, igualmente do terceiro escalão, a espanhola Euskadi, a angolana Sicasal-Bai, a colombiana Team Medellín, a sul-africana Protouch, a irlandesa Evo Pro Racing e a suíça SRA.
 
Prológo – 31 de Julho – quarta-feira - VISEU – 6 km
1ª Etapa – 1 de Agosto – quinta-feira - MIRANDA DO CORVO » LEIRIA – 174.7 km
2ª Etapa – 2 de Agosto – sexta-feira - MARINHA GRANDE » LOURES (St.º António dos Cavaleiros) – 198.5 km
3ª Etapa – 3 de Agosto – sábado - SANTARÉM » CASTELO BRANCO – 194.1 km
4ª Etapa – 4 de Agosto – domingo - PAMPILHOSA DA SERRA » COVILHÃ (TORRE) – 145 km
5ª Etapa – 5 de Agosto – segunda-feira - OLIVEIRA DO HOSPITAL » GUARDA – 158 km
6ª Etapa – 7 de Agosto – quarta-feira - TORRE DE MONCORVO » BRAGANÇA – 189.2 km
7ª Etapa – 8 de Agosto – quinta-feira - BRAGANÇA » MONTALEGRE (LAROUCO) – 156.2 km
8ª Etapa – 9 de Agosto – sexta-feira - VIANA DO CASTELO » FELGUEIRAS (St.ª QUITÉRIA) – 156.6 km
9ª Etapa – 10 de Agosto – sábado - FAFE » MONDIM DE BASTO (Sr.ª da GRAÇA) – 133.5 km
10ª Etapa – 11 de Agosto – domingo - CRI - VILA NOVA DE GAIA » PORTO – 19.5 km
Modificado em sexta, 07 junho 2019 01:54

Deixe um comentário