segunda, 23 outubro 2017

Mais de 250 crianças presentes no 8º Torneio de Futebol Infantil VII “Cidade de Borba”

Escrito por  Publicado em Desporto segunda, 22 maio 2017 18:34
Borbense venceu escalões de Benjamins e Petizes, e Calipolense venceu nos escalões de Iniciados e Traquinas Borbense venceu escalões de Benjamins e Petizes, e Calipolense venceu nos escalões de Iniciados e Traquinas SCB
No passado Sábado, dia 20 de Maio, o Campo Municipal de Borba foi literalmente invadido por jovens futebolistas.
 
Mais de 250 crianças, com idades compreendidas entre os 6 e os 13 anos, participaram no 8º Torneio de Futebol Infantil VII “Cidade de Borba”, torneio cuja organização pertence ao Sport Clube Borbense, e que assinala o encerramento da época futebolística.
 
Aceitaram o convite do clube azul de Borba, para participarem neste que é já um dos torneios de futebol infantil de referência na região, o CF Estremoz, o Redondense, o Vedeta Amarela, o Calipolense e o CCD Terena.
 
O Sport Clube Borbense venceu nos escalões de Benjamins e Petizes, enquanto que as vitórias nos escalões de Infantis e de Traquinas sorriu ao clube de Vila Viçosa, o Calipolense. 
 
Joaquim Trincheiras, membro da direcção do Sport Clube Borbense e um dos dinamizadores do 8º Torneio de Futebol Infantil VII “Cidade de Borba”, esteve à conversa com o Ardina do Alentejo.
 
Ardina do Alentejo - Que balanço faz do 8º Torneio de Futebol Infantil VII “Cidade de Borba”?
Joaquim Trincheiras - O balanço só pode ser positivo. Quando consegues juntar mais de duas centenas e meia de atletas, dos 6 aos 13 anos, e comprovas a alegria que cada um deles coloca em campo, sempre apoiado pelos pais e familiares, concluis que o trabalho que tiveste a preparar uma iniciativa deste género, valeu a pena. Ao longo dos anos, o nosso Torneio tem vindo a cimentar a sua posição e é já uma referência, apesar de não ser dos mais participados, até porque o nosso modelo está formatado para a utilização de apenas um espaço o que por si só nos limita e, para já, não o conseguimos alterar pela referida insuficiência logística, para que comporte mais atletas/equipas.
 
Ardina do Alentejo - Olhando para os atletas que pisaram o relvado do Municipal de Borba, o futuro da modalidade está bem servido?
Joaquim Trincheiras - Julgo sim! Pelo que se vê, a região tem miúdos com gosto e qualidade para garantir o futuro da modalidade. Felizmente, nestas oito edições do nosso Torneio já por aqui passaram alguns valores que agora estão a singrar a nível nacional, o que vem provar que nós, como todos os clubes que se dedicam à formação, estamos no caminho certo. É certo que nem todos chegarão a ser Ronaldos, mas se os conseguirmos “desviar” de outros caminhos já, por si só, será uma enorme vitória.
 
O 8º Torneio de Futebol Infantil VII “Cidade de Borba” contou com o apoio da Câmara Municipal de Borba, da Associação de Futebol de Évora e do Núcleo de Árbitros de Futebol da Zona dos Mármores "Prof. Jorge Pombo".
 

Deixe um comentário

Mais Populares