sábado, 27 novembro 2021
terça, 19 outubro 2021 11:09

Carlos Cunha e Érika Mota no palco do Teatro Bernardim Ribeiro

Escrito por
“Ai a minha filha” é uma produção de Carlos Cunha, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Estremoz “Ai a minha filha” é uma produção de Carlos Cunha, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Estremoz DR

 
O reconhecido actor Carlos Cunha e a sua filha Érika Mota, fruto do casamento com a actriz Marina Mota, voltam a pisar o palco do Teatro Bernardim Ribeiro, em Estremoz, com a comédia “Ai a minha filha”.
 
Escrita por Roberto Pereira e Eva Jesus, “Ai a minha filha” conta ainda com as participações de Miguel Ribeiro, Lígia Ferreira e Carla Janeiro.
 
No próximo dia 20 de Novembro, a partir das 21:30 horas, o público da região vai poder conhecer Jacinto, um cinquentão a quem a vida sempre correu de feição, até ao momento em que a sua mulher o apanhou, em flagrante, a traí-la.
 
Detentor de uma grande lábia e uma líbido ainda maior, Jacinto sempre teve as mulheres todas a seus pés. Mas a partir desse dia, tudo mudou...
 
De um momento para o outro, tudo lhe passou a correr mal: passou de dono de restaurante a empregado de mesa, de abastado a remediado, de chefe de família a pai solteiro, e de mulherengo a encalhado. E este é o maior dos seus males: estar há dois anos sem ter uma mulher.
 
A viver com a sua filha desde então, Jacinto fará tudo para voltar a viver um (ou mais) grande amor. E, para isso, tentará de tudo. E tudo é mesmo tudo. Até ajuda profissional.
 
Jacinto está longe é de saber que a raiz de todos os seus problemas dorme debaixo do seu tecto: e é nem mais nem menos do que a sua filha.
 
“Ai a minha filha” é uma produção da Carlos Cunha Produções, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Estremoz. Em breve serão divulgadas mais informações sobre este espectáculo, nomeadamente o preço dos bilhetes, quando estarão os mesmos à venda e onde poderão ser adquiridos.
 
 
 
 
 
 
Modificado em segunda, 01 novembro 2021 19:11

Deixe um comentário